• Centros de Recuperação de Animais Selvagens

    Conheça o trabalho dos Centros de Recuperação de Animais Selvagens da Quercus e saiba de que forma os pode apoiar! A sua ajuda é importante!

  • Centros de Recuperação de Animais Selvagens

    A Quercus gere três Centros de Recuperação de Animais Selvagens: Castelo Branco, Montejunto e Santo André. Conheça o trabalho desenvolvido e saiba como os pode apoiar!

  • Apadrinhe um animal em recuperação!

    O apadrinhamento de um animal é uma forma original de conhecer e colaborar na preservação de diferentes espécies de fauna selvagem.

  • O que fazer quando encontrar um animal ferido?

    Mantenha a calma, ligue para o 808 200 520 e siga as indicações.

Conheça o CRASM

logo crasmSituado na aldeia de Tojeira, o Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Montejunto (CRASM) é um projecto conjunto da QUERCUS – A.N.C.N. e da Junta de Freguesia de Vilar, tendo, desde o início, o importante apoio da Câmara Municipal do Cadaval.

 

O CRASM faz parte da Rede Nacional de Centros de Recuperação coordenada pelo Instituto de Conservação da Natureza e da Biodiversidade (ICNB) e é, basicamente, uma clínica veterinária para fauna selvagem. Os animais que são encontrados debilitados ou aparentemente feridos são avaliados e é feito um diagnóstico, seguido de um plano de tratamento. Este tanto pode ser algo complexo como uma cirurgia - para imobilizar ossos partidos -, como um simples tratamento de suporte e alimentação para recuperar animais magros e debilitados. Posteriormente, os animais permanecem nas instalações do Centro de Recuperação, em câmaras de maiores dimensões ou mesmo em longos espaços chamados túneis de voo, para recuperarem a sua condição física e reaprenderem os mecanismos de sobrevivência em estado selvagem. Só depois podem ser novamente devolvidos à natureza no local onde foram encontrados, sempre que isso for possível.

 

Assim, a missão do CRASM é:

 

. Recuperar e devolver à Natureza animais selvagens feridos ou debilitados, possivelmente devido à acção directa ou indirecta do Homem.
. Determinar quais são os factores de risco para as populações selvagens de espécies protegidas e monitorizar doenças que tenham impacto quer para os animais quer para as pessoas.
. Promover acções de Educação Ambiental junto das escolas e população em geral que mostrem a beleza da nossa fauna, o seu papel nos ecossistemas e as ameaças a que está sujeita, para que com a alteração das mentalidades este precioso bem que é a Biodiversidade nunca se perca.

 

Actualmente o CRASM dispõe das seguintes instalações:

. Sala de trabalho
. Sala multiusos (Acções de Formação e de Educação ambiental)
. Enfermaria
. 2 Salas de internamento
. 8 Câmaras de recuperação
. Túnel de voo com 20 m (aves de rapina diurnas)
. Parque de voo (aves de rapina nocturnas)
. Parque de voo (aves aquáticas)....em construção
. Compartimento de frio/congelação
. Biotério
. Instalações sanitárias
. Instalação de aquecimento de água
. Arrecadação

 

O CRASM funciona inteiramente dependente de doações de particulares e empresas pelo que, se desejar dar o seu contributo para a Conservação dos nossos animais selvagens, poderá fazê-lo de diversas formas designadamente:
• Entregar animais encontrados feridos ou debilitados;
• Apadrinhar animais em recuperação;
• Patrocinar a actividade em geral;
• Doar materiais ou equipamentos úteis ao funcionamento;
• Integrar a equipa de voluntários (Recuperação ou Educação Ambiental)

 

Share

Envolva-se!

 

apadrinhe       alerte       contacte       doe
Apadrinhe um animal selvagem!
 
Apadrinhe a recuperação de um animal selvagem num dos Centros da Quercus! O apadrinhamento é uma importante fonte de receita para os nossos hospitais de fauna, cujo trabalho é suportado em grande parte por voluntários.
 
 
Saiba como proceder caso encontre um animal selvagem ferido, de modo a que este possa ser rapidamente entregue num Centro de Recuperação.

 
 
Entre em contacto!

 

Gostaria de saber mais sobre o nosso trabalho ou de visitar os nossos espaços? Consulte aqui os contactos dos nossos três Centros.

 



 

A manutenção de um Centro implica muitos gastos em despesas de alimentação, manutenção de instalações, materiais, tratamentos e funcionários. Os donativos de materiais e medicamentos são também uma forma de ajudar.


 

                                               

Quercus ANCN ® Todos os direitos reservados
Alojamento cedido por Iberweb