Aquário Vasco da Gama, Centro de Biociências do ISPA e Quercus libertam milhares de peixes em Março e Abril

escalo miraO Aquário Vasco da Gama, o Centro de Biociências do ISPA e a Quercus irão proceder à libertação no meio natural de alguns milhares de peixes reproduzidos em cativeiro*, acções que ocorrerão em cursos de água do Oeste (Mafra e Torres Vedras) e do Sul do País (Odemira e Grândola).

As datas previstas para as acções de libertação das diferentes espécies de peixes, são as seguintes:

20 Março - Libertação de ruivacos-do-Oeste no rio Safarujo – Encontro às 11,30 horas, na Tapada de Mafra – Mafra.
24 Março - Libertação de ruivacos-do-Oeste no rio Alcabrichel – Encontro às 10,00 horas, na localidade de Ramalhal – Torres Vedras
27 Março - Libertação de Escalos-do-Mira** e de Bogas-do Sudoeste na ribeira do Torgal (afluente do rio Mira) - Encontro às 10,00 horas, em Odemira.
10 Abril – Libertação de Bordalos na ribeira de Grândola (afluente do rio Sado) - 15,00 horas - Canal Caveira – Grândola.


Lisboa, 12 de março de 2015

libert peixes 3logos

 


Nota:

* Os repovoamentos serão efectuados em troços dos rios de origem (dos indivíduos inicialmente capturados para reprodutores) que apresentem características favoráveis à sobrevivência e reprodução dos peixes. Sempre que possível, estes troços encontram-se associados a projectos de recuperação de linhas de água,  envolvendo cidadãos e entidades que localmente efectuam uma monitorização mais ou menos formal destas bacias hidrográficas.
Os peixes libertados são reproduzidos em instalações do Aquário Vasco da Gama, situado em Oeiras, e no Posto Aquícola de Campelo, estrutura disponibilizada pelo Município de Figueiró dos Vinhos no âmbito de uma parceria estabelecida com a Quercus.

** A libertação de Escalos-do-Mira é uma acção obrigatória do projecto LIFE Ecotone.

 

 

libert peixes apoios

 

Share
Quercus ANCN ® Todos os direitos reservados
Alojamento cedido por Iberweb