Depósitos de alcatrão e entulhos numa Saibreira na Herdade da Comporta (Grupo Espírito Santo)

A empresa Burgausado que explora uma Saibreira localizada na Herdade da Comporta, próximo da Freguesia do Carvalhal, deverá perder a concessão no início do mês de Maio, por denúncia do respectivo contrato.Este facto tem levado os seus responsáveis a acentuar o ritmo de exploração, laborando mais de 17 horas por dia e colocando em perigo a segurança das pessoas envolvidas na voracidade dos trabalhos.Para além da remoção, para armazenamento, da matéria-prima ao ritmo que se referiu e que estará a ser armazenada para stock não se sabendo bem em que condições, verifica-se que a saibreira está a servir de depósito de entulhos e alcatrão em grandes quantidades que – referiram-nos no local – ultrapassam muitos milhares de toneladas.

 

Porque a dimensão do desventrar dos solos ultrapassa tudo quanto é razoável e seguramente legal, a Direcção do Núcleo Regional do Litoral Alentejano da Quercus deslocou-se ao local e denunciou o atentado ao Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente da GNR (SEPNA) no dia 18. Dois dias depois contactou os responsáveis do ICNB e acompanhou os seus vigilantes de forma a tomarem conta da ocorrência.

 

Muito próximo do local, os elementos da Quercus e do ICNB cruzaram-se com um agente da CCDRA tendo este telefonado, imediatamente a seguir, ao responsável pela empresa dando-lhe orientações – não se sabe bem porquê – para isolar a área da Saibreira (segundo informação deste).

 

No local, antes que os funcionários da saibreira colocassem a vedação, verificou-se que os resíduos teriam sido cobertos muito recentemente, sendo que alguns deles ainda permaneciam a visíveis.

 

Sabendo-se que as escavações estarão abaixo dos níveis freáticos, o problema colocará em risco a Saúde Pública e terá impactes graves ao nível da conservação da natureza e do ambiente.

 

Não percebe a Quercus porque razão as autoridades não actuam pondo fim a uma situação quase pública e por demais conhecida na zona e facilmente visível através do “Google Earth”.

 

 

Santo André, 21 de Abril de 2009

 

A Direcção da Quercus do Litoral Alentejano

 

 

 

Share

Quercus TV

 

Espreite também a Quercus TV.

 

 

Quercus ANCN ® Todos os direitos reservados
Alojamento cedido por Iberweb